icon 0
icon Loja
rightIcon
icon História
rightIcon
icon Sair
rightIcon
icon Baixar App
rightIcon
Prendido no laço

Prendido no laço

icon
Capítulo 1
Ele a entendeu mal
Palavras: 926    |    Lançado em: 24/03/2020

Era uma da manhã quando Rachel Shen saiu da sala de cirurgia.

O hospital estava muito quieto. O verão havia causado um calor intenso em toda a cidade, porém, um frio particular invadiu o local.

A garota olhou ao redor da sala de emergência brilhante e uma cara familiar chamou sua atenção.

Era um homem alto carregando uma mulher nos braços, seguido por outro jovem.

Já havia algumas enfermeiras atrás deles, porém, o homem se apressou em andar em direção dela.

O homem obviamente a tinha visto e, embora parecesse calmo, seus olhos refletiam um pouco de ansiedade. "Rachel, por favor, venha vê-la", ele pediu-lhe baixinho. "Ela ficou bêbada e agora está com febre alta", acrescentou.

Jack Fu raramente falava assim, mas Rachel, como médica, estava acostumada a situações como essa e permaneceu calma. "Leve-a para o quarto 108", ordenou a uma das enfermeiras, que imediatamente os conduziu para a esquerda.

Jack ergueu os olhos e a seguiu.

Naquele momento, o outro homem, chamado Michael Du, estava andando atrás de Jack, se aproximou da médica e disse brincando: "Bem, bem, isso é algo que não se vê todos os dias."

Com o comentário, Rachel não respondeu nada e entrou no quarto.

Sentindo-se ignorado, Michael apenas suspirou e a seguiu. 'Meu Deus, outra mulher chata e pretensiosa, como pode Jack estar com mulheres assim?', pensou ele. Mesmo com as costas viradas, Rachel estava linda e, apesar de estar de uniforme, sua figura estava muito atraente.

Não havia dúvida de que ela era encantadora, pois suas feições eram perfeitas e seus olhos eram claros como água, mas sua indiferença deixava as pessoas entediadas. 'É realmente uma pena!', Michael meditou.

Ao entrarem no quarto, Rachel viu Jack colocando a mulher na cama, enquanto as enfermeiras esperavam silenciosamente que ela se aproximasse.

A médica sabia que Jack era intimidante para as pessoas, e naquele dia não foi exceção, embora ele parecesse um pouco desgrenhado na hora.

Quando ela olhou para ele de perto, Rachel percebeu que três botões de sua camisa estavam rasgados e havia arranhões em seu pescoço.

Ela olhou para a mulher deitada inconsciente na cama, que gemia levemente. Era óbvio que ela estava muito tonta.

"Meça a temperatura", Rachel ordenou a uma das enfermeiras. Olhando atentamente para o corpo da mulher, ela percebeu que havia hematomas em seus braços, peito e pescoço. Assim, após uma inspeção mais aprofundada, descobriu que eram na verdade marcas de chupão, até mesmo algumas áreas estavam sangrando um pouco.

"39 graus, doutora", relatou a enfermeira.

"Há quanto tempo sua febre começou?", Rachel perguntou.

Jack, agora calmo, olhou para ela com seus olhos negros enquanto tentava se lembrar dos detalhes. "Ela começou a se sentir tonta ontem", ele finalmente respondeu, continuando: "Então, esta manhã, começou a queimar de febre."

Rachel acenou com a cabeça e olhou para a mulher. "Fez sexo antes de ser trazida para o hospital? Ou teve relações sexuais excessivas?"

Era normal para um médico fazer esse tipo de pergunta, entretanto, o rosto de Jack mudou, fazendo-o parecer um pouco desconfortável.

As enfermeiras também sabiam que coisas assim eram normais, mas ficaram surpresas ao ouvir Rachel perguntar isso a Jack.

O homem veio com roupas bem casuais, camisa e calça pretas. Ele tinha uma aparência séria e fria, emoldurada por um rosto refinado. Algo que à primeira vista o fazia parecer um homem distinto e enigmático, que era difícil imaginar como ele podia ser tão rude na cama.

Rachel estava sendo totalmente profissional e não achou que houvesse problema com sua pergunta, então ela olhou para ele e perguntou novamente: "Teve sexo excessivo?"

Embora Jack tivesse uma aparência serena, seus olhos revelaram um lampejo de emoção.

Em cinco anos de casamento, Rachel nunca tentou adivinhar o que Jack estava pensando, porque para ela, ele era uma pessoa tão indecifrável que era desnecessário tentar descobrir.

Mas naquele momento, olhando-o nos olhos, ela pensou que talvez o homem tivesse entendido mal sua pergunta.

Era curioso que o marido dela tivesse levado uma mulher ao hospital nesse estado, apesar disso, Rachel não se importou nem um pouco. Eles não sentiam nada um pelo outro, então se ele pensasse que ela estava aproveitando a oportunidade para questioná-lo, ele estava errado.

O silêncio se estendeu pelo quarto, criando um momento estranho.

De repente, Michael começou a rir. "E daí se fosse isso? Se eles fizeram sexo em excesso?"

Reclame seu bônus no App

Abrir
1 Capítulo 1 Ele a entendeu mal 2 Capítulo 2 Estamos no hospital3 Capítulo 3 O que isso importa 4 Capítulo 4 Por favor, perdoe-o5 Capítulo 5 Eu realmente a amo6 Capítulo 6 O homem cruel7 Capítulo 7 Por favor, espere8 Capítulo 8 Ele está cobiçando minha mulher9 Capítulo 9 Eles se separaram com raiva10 Capítulo 10 Provocando Rachel11 Capítulo 11 Resolva12 Capítulo 12 Ela o estava ameaçando 13 Capítulo 13 Você vai dormir com Rachel hoje à noite 14 Capítulo 14 Você vai vê-las comigo15 Capítulo 15 A quarta vez16 Capítulo 16 Vamos ficar aqui esta noite17 Capítulo 17 Compartilhando a cama18 Capítulo 18 Ele me ameaçou19 Capítulo 19 Você vai me deixar 20 Capítulo 20 Você está bem informado21 Capítulo 21 Você vai me pagar22 Capítulo 22 Como uma bofetada23 Capítulo 23 Você está com febre 24 Capítulo 24 Perigo25 Capítulo 25 Ficou com raiva26 Capítulo 26 Que tipo de marido é esse 27 Capítulo 27 Envolvida sem razão28 Capítulo 28 Celine, orgulhosa de si mesma29 Capítulo 29 Um caso especial30 Capítulo 30 Você não me quer ver 31 Capítulo 31 Um encontro casual32 Capítulo 32 O que você deseja 33 Capítulo 33 Um homem inteligente34 Capítulo 34 Vingança35 Capítulo 35 Lucas está de volta36 Capítulo 36 Eles o dispensaram37 Capítulo 37 Filho de Rachel38 Capítulo 38 O dia da festa39 Capítulo 39 O banquete40 Capítulo 40 Vincent e Celine41 Capítulo 41 A luta42 Capítulo 42 Súplica de Wendy43 Capítulo 43 Eu peguei um resfriado44 Capítulo 44 Você tem sentimentos por Rachel 45 Capítulo 45 Jantando juntos46 Capítulo 46 Sua doença fica pior47 Capítulo 47 Passou a noite em casa48 Capítulo 48 Tão forte quanto um touro49 Capítulo 49 A Proposta de divórcio50 Capítulo 50 Discussão sobre o acordo de divórcio51 Capítulo 51 Procurando uma creche52 Capítulo 52 Compras53 Capítulo 53 O menino entrou em apuros54 Capítulo 54 Compensação55 Capítulo 55 A saída56 Capítulo 56 Falando mal de Rachel57 Capítulo 57 Para o hospital58 Capítulo 58 O suicídio59 Capítulo 59 A verdade60 Capítulo 60 Um filho ilegítimo61 Capítulo 61 O passado62 Capítulo 62 Onde ele vai dormir 63 Capítulo 63 Você está se divorciando de Rachel 64 Capítulo 64 O menino travesso65 Capítulo 65 Ela nos entenderá mal 66 Capítulo 66 Falando sobre o divórcio67 Capítulo 67 Um acidente de carro68 Capítulo 68 Você está impotente 69 Capítulo 69 Gosto nas mulheres70 Capítulo 70 Traçando algo71 Capítulo 71 Vivendo juntos72 Capítulo 72 Assinando o acordo73 Capítulo 73 Rachel tem um carro novo 74 Capítulo 74 Divisão de propriedades75 Capítulo 75 Jack conheceu Lucas76 Capítulo 76 Ela estava apaixonada por alguém 77 Capítulo 77 Um casamento que luta por tudo78 Capítulo 78 Aqueles tipos de sonhos79 Capítulo 79 Curando a ferida80 Capítulo 80 Publique algumas fotos81 Capítulo 81 Uma conversa82 Capítulo 82 Um encontro às cegas83 Capítulo 83 Troque de roupa84 Capítulo 84 Vocês devem se amar85 Capítulo 85 Dormir na mesma cama86 Capítulo 86 Ir à festa87 Capítulo 87 Você vê alguém de quem gosta 88 Capítulo 88 Um discurso eloquente89 Capítulo 89 Plano de Celine90 Capítulo 90 Um olhar estranho91 Capítulo 91 Uma explosão violenta92 Capítulo 92 Escapando do caos93 Capítulo 93 Rachel deve ser salva (Parte um)94 Capítulo 94 Rachel deve ser salva (Parte dois)95 Capítulo 95 Rachel deve ser salva (Parte três)96 Capítulo 96 Fique comigo97 Capítulo 97 Ele é tão viril98 Capítulo 98 Chegando mais perto99 Capítulo 99 O acidente de carro100 Capítulo 100 A verdade