back
Baixar App Lera
icon 0
icon Loja
rightIcon
icon História
rightIcon
icon Sair
rightIcon
icon Baixar App
rightIcon
Amizade colorida

Amizade colorida

Winchester

4.8
Comentário(s)
33.3K
Leituras
7
Capítulo

Warley Shedd, uma garota de 21 anos com uma vida invejável por todos ou seu redor. Sua mãe Grace Shedd estava dedicada em encontrar um marido para ela, com vários encontros arranjados e esse assunto constante, Warley decidió por um fim nesse assunto de uma vez por todas. Ela convenceu seu melhor amigo a se casar com ela.

Capítulo 1
Piloto

Em uma linda manhã de verão, Warley uma garota de 21 anos linda e simpática acordou com o canto dos pássaros e a luz do sol entrando por sua janela. Ela se levantou tomou banho se vestir e desceu para tomar café da manhã com sua família.

Bom dia mãe, pai. Disse Warley mais não ouve resposta então ela se sentou e começou a comer.

Sua mãe a olhou com curiosidade e disse. Porque está aqui e não em sua casa?

Warley a olhou sorrindo e disse. Bem ontem cheguei bem tarde e acabei vindo pra cá com o

Hunter.

Sua mãe com desaprovação a olhou e sacudió a cabeça.

Se você sempre está aqui porque insistiu em compra aquele apartamento super caro, volte para cá de um vez. Disse Grace.

Deixa a menina afinal essa casa também é dela ela pode ir e vir quando desejar Disse seu pai que entrou na conversa.

Pare com isso você mima muito essa garota Silver ela sempre faz o que quer quando quer fica saindo pra cima e pra baixo com o garoto dos luis como se fossem um casal, esse garoto está sempre com uma menina diferente isso gera muitos comentários por aí. Você tem que parar com essa vida e arrumar um marido logo. Gritou Grace.

Mamãe seu sei o faço um minha vida e não estou a procura de um marido ok. Disse Warley. Enquanto seu pai só olha para as duas discutindo sem dizer nada pensativo, afinal ele também não queria que sua filhinha se casase.

Warley se levantou e disse

Bem já estou de saída vou para casa depois para o trabalho.

Warley tinha uma boutique de roupas super fina e elegante. Como seu pai era dono de várias empresas de desenvolvimiento pela cidade. Sua mãe ficava em casa sempre preparado algo.

Antes que Warley poder sair Hunter Luis entrou com um lindo sorriso no rosto e disse. Bom dia mãe, bom dia pai.

Como eles eram bem próximos se tratavam com muita intimidade afinal eles cresceram juntos, eram vizinhos e sempre um estava na casa do outro e suas mães eram melhores amigas.

Hunter era um cara bem alto com belos cabelos negros e um sorriso de derreter qualquer garota, tinha 23 ano sempre está em festa rodeado de meninas, mais sempre estava com Warley então todos acharam que eles tinha uma espécie de amizade colorida, porque Warley também sempre estava acompanhada com belos rapazes.

Quando Hunter entrou foi até Warley deu um beijo em sua testa e disse. Está pronta? Vou levar você.

Seus pais olharam um para o outro mais não disseram nada.

Vamos preciso trabalhar. Disse Warley.

Eles se despediram e foram pa o carro de Hunter que está estacionado no lado de fora.

Ele ligou o carro e saíram.

Hunter olhou para Warley com um sorriso brincalhão e disse.

Você está bem? Ontem estava um pouco bêbada quando chegamos.

Estou bem. Só bebi um pouco de mais. Disse Warley.

Hahaha. Você sempre faz isso. Vamos sair hoje? Tem um lugar novo que quero conhecer.

Disse Hunter. Antes que Warley poder responde o celular dela tocou, era sua mãe. Ela atendeu

Alô. Filha esqueci de dizer a você antes de sair que marquei um encontro pra você com o filho dos Dens para hoje a noite ele ira te ligar para decidir o lugar. Disse Grace. Que desligou antes que Warley pode-se responder.

Droga. Gritou ela.

Hunter olhou assustado e arregalados e disse. Aconteceu alguma

coisa?

Minha mãe marcou outro encontra para mim com um cara que nem conheço. Não entendo porque ela está tão desesperada para me arranja um marido. Eu nem quero me casa. Disse Warley eufórica.

Hahaha. Outro não estou surpreso esse já é o 7 cara né? Hahaha. Disse Hunter.

Eu não estou contando, e pare de rir não tem graça . Eu só quero poder sair com os caras que eu escolher isso é pedir muito. Disse Warley.

Claro que não. Sua mãe poder bem persuasiva quando que. É só você não ir mais e pronto. Disse ele.

Warley respirou profundamente e fechou os olhos e disse eu não vou mais fazer isso. Afinal o que ela pode fazer comigo nem moramos mais juntos. É isso a chega.

Logo depois ele chegaram no apartamento de Warley que ficava em uma área nobre da cidade. Eles se despediram e seguiram seus caminhos.

Mais tarde aquela noite Warley estava se arrumando para sair. Ela colocou um vestido preto curto, um salto alto fino e belos brincos de diamante, arrumou o longo cabelo com belas ondas passou um batom vermelho e saiu para fora de seu prédio para encontrar Hunter.

Ele já estava lá a algum tempo esperando por Warley, quando ele recebeu uma mensagem que dizia " Onde você está? Estou esperando por você a mais de 45 minutos.

Hunter leu e logo respondeu a mensagem que era de Suzi uma garota que ele conheceu a um tempo. "Desculpe estou esperando pela Warley, já estamos a caminho".

Logo ouve resposta. " Você não me disse que essa garota vinha. Não gosto dela". Hunter leu e ficou confuso e se perguntou como ela não gosta da Warley se ela nem a conhece ainda.

Então ele respondeu. " Sim, ela é minha amiga achei que estava na hora de se conhecerem, afinal já estamos juntos a quase um mês".

Suzi respondeu furiosa. " Chega acabou não quero conhecer essa garota, como se já não bastasse você ficar falando sobre ela o tempo todo agora quer me apresentar. Não me ligue nunca mais".

Hunter ficou surpreso com a atitude dela e pensou . Será que ela está com ciúmes da Warley, mais não faz sentido ela é minha melhor amiga. Então ele não respondeu e guardou o celular. Então ele avistou Warley saindo do prédio e olhou com a boca aberta pensando. Essa é a mulher mais linda que eu já vi em toda minha. Com seus longos cabelos ao vento ela andava perfeitamente parecendo que estava em uma passarela.

Quando Warley sou e viu o carro preto de Hunter estacionado do outro lado da rua ela deu um sorriso e foi até o carro onde Hunter está encostando do lado de fora olhando para ela. Quando ela se aproximou ele disse com um sorriso travesso. Uau se você fosse para seu encontro desse, jeito ele nunca mais ia deixar você sair. Você está linda.

Warley sorriu e disse. Obrigado, você também está lindo. Ele abriu a porta do carro para ela entrar. Ela disse. Obrigado. E pensou. Porque os outros catar não são iguais a ele, ele sempre é tão carinhoso e cavalheiro.

Logo Hunter entrou no carro ligou e sairam

Então ele perguntou. Como foi seu dia?. Warley disse. Bem fora as ligações de gaab minha mãe. E o seu dia foi bom?

Sim. assei a tarde toda dormindo, com esse

tempo livre da faculdade não sei o que fazer. Disse Hunter eles continuaram conversando até chegar a nova boate.

Baixar livro