icon 0
icon Loja
rightIcon
icon História
rightIcon
icon Sair
rightIcon
icon Baixar App
rightIcon
Capítulo 7
Aborto forçado
Palavras: 1142    |    Lançado em: 03/01/2023

Scarlet agora não tinha mais ninguém em quem confiar. Ela não passava de uma estudante de dezenove anos.

Kyra havia planejado fazer com que Scarlet assinasse obedientemente os papéis, fingindo ser uma boa pessoa para ela. No entanto, não esperava que ela fosse se mostrar tão teimosa e ingrata. Furiosa, ela agarrou o queixo de Scarlet com uma das mãos e apontou o contrato com a outra, forçando-a a assinar o documento.

Scarlet lançou um olhar para Nolan, que estava sentado bem à sua frente. Aquele homem era seu pai biológico. No entanto, parecia não dar a mínima para o fato de que Kyra a estava agredindo fisicamente, então apenas se recostou e observou a cena com uma expressão indiferente no rosto.

Embora já estivesse acostumada com o tratamento frio que recebia de Nolan, Scarlet ainda sentia seu coração se partir com isso.

Eles então a forçaram a assinar o contrato. A bem da verdade, Scarlet poderia ter dado tudo sem qualquer briga, mas eles preferiram ser maus com ela, o que apenas demonstrava claramente o tipo de pessoa que eram. Nolan simplesmente não merecia ser pai. Aquelas três pessoas não possuíam qualquer traço de humanidade nelas.

Mas naquele momento, Scarlet se sentia impotente. Mesmo que decidisse processá-los, eles certamente encontrariam uma forma de calar sua boca. Assim, não teve escolha a não ser admitir a derrota.

"Já posso ir agora?"

Scarlet ficou de pé e endireitou as costas, cerrando os punhos. Ela enfatizou cada palavra, se recusando a deixar-se intimidar por aquelas pessoas horríveis.

"Você é igualzinha a sua mãe. Se aquela cadela tivesse concordado em se divorciar de seu pai quando ele pediu pela primeira vez, poderia ter nos poupado de muitos problemas. Por que ela tinha que ser tão teimosa? Que cadela idiota!", Kyra amaldiçoou.

Aqueles terríveis insultos sobre a sua falecida mãe tiveram o efeito de uma punhalada no coração de Scarlet. Ela então jurou para si mesma que um dia iria se vingar. Por sua mãe morta, por seu irmão desaparecido, e por toda a dor que ela havia sofrido ao longo dos anos por causa daquelas três pessoas.

Chegaria o dia em que ela iria rir por último. Agora, estava muito fragilizada, sem contar que não possuía qualquer apoio. A primeira coisa que tinha que fazer era trabalhar duro e construir uma vida.

Scarlet nem mesmo esperou pela resposta deles e se virou para ir embora, mas Colleen rapidamente a deteve, se colocando em seu caminho.

"O que mais vocês querem de mim?"

Scarlet franziu o cenho. Afinal, eles já haviam conseguido tomar todo o dinheiro dela. O que mais ainda poderiam querer?

O olhar que Colleen lançou para a barriga de Scarlet a fez se sentir levemente desconfortável. Nesse momento, ela sentiu como se seu coração fosse saltar pela garganta, e levou as mãos automaticamente ao estômago.

"Lenny esteve no exterior desde que vocês dois se casaram. Como foi que você engravidou? Você é realmente inacreditável. Não consigo acreditar que teve a cara de pau de ficar com outro homem. E o que acontece se a família Foster descobrir que você traiu Lenny? Se você não quiser ter o bastardinho, podemos te ajudar a se livrar dele. A família Foster nem precisa tomar conhecimento disso."

"Como você ficou sabendo...", Scarlet começou a dizer em um tom de nervosismo.

Ela tinha acabado de descobrir sobre sua gravidez e ainda não havia contado para ninguém. Então como Colleen podia saber disso?

Scarlet, no entanto, sabia perfeitamente o motivo de sua família estar sendo tão solícita para ajudá-la com aquela gravidez indesejada. Eles pensavam que ela tinha sido infiel enquanto estava casada com Lenny. Se a família Foster descobrisse que a esposa de seu filho havia engravidado do filho de outro homem enquanto ainda estava casada com ele, definitivamente retirariam tudo o que Lenny lhe havia dado no acordo de divórcio. E isso significava que a família Brown ficaria sem nada.

Nolan, Kyra e Colleen começaram se aproximar lentamente de Scarlet. Como tubarões sentindo o cheiro de sangue na água, eles a cercaram.

"Vocês... Não sejam imprudentes. Esta criança... Este bebê é do Lenny, está certo? Não se atrevam a tocar em mim, ou então o Lenny não vai deixar barato!"

Colleen zombou, rindo desdenhosamente: "Você é uma péssima mentirosa, Scarlet. Você e Lenny se encontraram apenas duas vezes. A primeira vez foi quando se casaram, e a segunda, quando assinaram o acordo de divórcio. E você está grávida há três meses. Todos sabem que, três meses atrás, você estava em casa e ele no exterior. Então esta criança não pode ser dele."

"Vamos levar você agora mesmo ao hospital para fazer um aborto. Devemos resolver esse assunto hoje mesmo", Kyra ordenou.

Temendo que Scarlet demonstrasse qualquer resistência, eles já tinham deixado o anestésico preparado, e aplicaram a injeção diretamente no braço dela.

Scarlet se debateu tanto que eles não conseguiram injetar todo o líquido da seringa, mas foi o bastante para deixá-la fraca. Em seguida, eles a levaram para o hospital.

Embora se sentisse debilitada por causa do anestésico que sua família lhe havia injetado, Scarlet permanecia lúcida o suficiente para saber que havia sido levada para a sala de cirurgia. Por mais que quisesse resistir, estava fraca demais para reagir. Tudo o que podia fazer era assistir horrorizada enquanto o médico abria suas pernas. De onde estava deitada, ela podia ver os bisturis de aço e outros instrumentos cirúrgicos reluzindo sob a luz da sala.

"Não, por favor. Não quero fazer o aborto. Por favor, não..." Ela soluçou, implorando por misericórdia.

Ainda não havia decidido se faria ou não o aborto. Honestamente, tinha pensado em se livrar da criança. Mas aquele decididamente não era o momento de perder seu bebê, principalmente sendo contra a sua vontade. Por um instante, ela desejou se entregar e aceitar seu destino.

Deitada em uma fria mesa de cirurgia, Scarlet se sentia completamente aterrorizada. Não. Ela não podia permitir que matassem seu filho. Seu bebê era um ser inocente.

Ela não possuía a família que a amava neste mundo. Era uma pessoa bastante solitária. Aquele filho era a sua chance de começar sua própria família. Se não fosse pelo último desejo de sua mãe, Scarlet não seria capaz de suportar tudo isso. Ela desejava com todas as suas forças proteger aquela criança, assim como sua mãe a tinha protegido por toda a vida.

A enfermeira disse para ela que havia três por cento de chances de o anticoncepcional falhar. Apesar de ser uma probabilidade ínfima, havia acontecido com ela. Isso apenas fez com que Scarlet supusesse que aquela criança estava realmente destinada a ser dela. Ela tinha que manter seu bebê, dar à luz e cuidar dele.

Mesmo sem Lenny ao seu lado, Scarlet tinha esperança de que, desde que cobrisse seu filho com amor e carinho suficientes, tudo ficaria bem.

Reclame seu bônus no App

Abrir
1 Capítulo 1 Divórcio2 Capítulo 2 Tenho outra pessoa em meu coração3 Capítulo 3 Gravidez4 Capítulo 4 Não te diz respeito5 Capítulo 5 Ela não gastou um centavo da família Foster6 Capítulo 6 Vou quebrar suas pernas7 Capítulo 7 Aborto forçado8 Capítulo 8 Quem ousa!9 Capítulo 9 Lenny vai se casar com ela 10 Capítulo 10 Vou proteger você11 Capítulo 11 Como poderei te proteger 12 Capítulo 12 Um acidente13 Capítulo 13 Perversa e vingativa14 Capítulo 14 Não depende de nenhum de vocês15 Capítulo 15 Filho bastardo16 Capítulo 16 Reencontro inesperado17 Capítulo 17 Esclarecendo o mal-entendido18 Capítulo 18 Metida em confusão19 Capítulo 19 Você está sóbrio agora 20 Capítulo 20 Você deixaria alguém que você não ama dar à luz seu filho 21 Capítulo 21 Injustiça22 Capítulo 22 Encontro no elevador23 Capítulo 23 Nosso cliente é o Grupo Foster 24 Capítulo 24 Flertando25 Capítulo 25 O melhor ex-marido do mundo26 Capítulo 26 Uma cena íntima27 Capítulo 27 Você não é esse tipo de garota, certo 28 Capítulo 28 Tempestade29 Capítulo 29 Por que você não passa a noite na villa 30 Capítulo 30 Pernoite31 Capítulo 31 Será que ele era impotente 32 Capítulo 32 Vou te fazer companhia33 Capítulo 33 Interesse por mulheres34 Capítulo 34 Lanchando juntos35 Capítulo 35 Devia um favor para ela36 Capítulo 36 Mande-a embora37 Capítulo 37 Vou te levar para casa38 Capítulo 38 Não gosto de repetir minhas palavras39 Capítulo 39 Lenny teve que ficar para passar o noite40 Capítulo 40 Finalmente te encontrei41 Capítulo 41 Eu realmente não sinto nada por você42 Capítulo 42 Você já falou demais hoje43 Capítulo 43 Rosto familiar44 Capítulo 44 Meu rival no amor é o professor Smith45 Capítulo 45 Carona para casa46 Capítulo 46 Erro pessoal47 Capítulo 47 Como você pôde escutar a conversa dos outros escondido 48 Capítulo 48 Beijo ardente49 Capítulo 49 Indo ver a mãe dele50 Capítulo 50 Convite inesperado51 Capítulo 51 A benção52 Capítulo 52 Uma promessa53 Capítulo 53 Boas notícias54 Capítulo 54 Não tive nada a ver com isso55 Capítulo 55 Me responsabilizarei por você56 Capítulo 56 Contra fatos não há argumentos57 Capítulo 57 Yasmin sabia da novidade58 Capítulo 58 A senhorita Brown está com problemas59 Capítulo 59 Preces60 Capítulo 60 Lutar por ele 61 Capítulo 61 Você pode fazer o que quiser62 Capítulo 62 Pequenos prazeres são os mais difíceis de se ter63 Capítulo 63 Aperto no peito64 Capítulo 64 Nova regra65 Capítulo 65 A malícia nos olhos de Evie66 Capítulo 66 Fazer as pazes67 Capítulo 67 Eu nunca mentiria para você68 Capítulo 68 Prisão perpétua69 Capítulo 69 Vou me vingar70 Capítulo 70 Relacionamento secreto71 Capítulo 71 A noiva de Lenny72 Capítulo 72 Scarlet é a destruidora de lares73 Capítulo 73 Traidora74 Capítulo 74 Testemunha75 Capítulo 75 Isso contava como amor 76 Capítulo 76 Confiança incondicional77 Capítulo 77 Proteção78 Capítulo 78 Defendendo o senhor Smith79 Capítulo 79 Em nome do que compartilhamos no passado80 Capítulo 80 A beleza está nos olhos de quem vê81 Capítulo 81 Visita82 Capítulo 82 Peça desculpas83 Capítulo 83 Você ganhou peso 84 Capítulo 84 Dewey admitiu o plágio85 Capítulo 85 Você me usou!86 Capítulo 86 Assumindo toda a culpa87 Capítulo 87 Ela interpretou Marlon de maneira equivocada88 Capítulo 88 Quem te deu autorização 89 Capítulo 89 Lenny adoeceu90 Capítulo 90 Lenny a estava ajudando em segredo91 Capítulo 91 Medicina boca a boca92 Capítulo 92 Chorando por ele93 Capítulo 93 Tritão94 Capítulo 94 Acidente95 Capítulo 95 O homem que atendeu o telefone96 Capítulo 96 Arriscou a vida de seu filho ainda não nascido97 Capítulo 97 A estranha98 Capítulo 98 Os olhos de Scarlet99 Capítulo 99 Devaneio vingativo100 Capítulo 100 Estadia na mansão