icon 0
icon Loja
rightIcon
icon História
rightIcon
icon Sair
rightIcon
icon Baixar App
rightIcon
Capítulo 13
Consegui a certidão de casamento
Palavras: 1588    |    Lançado em: 09/02/2022

PONTO DE VISTA DE SCARLETT

O clima dentro do carro estava deprimente e a expressão no rosto de Charles era completamente fria. Evitei olhar para ele durante todo o caminho e só fiquei olhando através da janela. Os arredores do lado de fora passavam por nós como se estivessem borrados, o que evidenciava o quão rápido ele estava dirigindo.

Sem pensar muito, segurei a maçaneta da porta. Mas de repente, o carro parou no encostamento da estrada. A força me jogou tão fortemente para frente que senti o cinto de segurança machucando meu ombro.

Gritei e me virei para encarar Charles.

"Qual é o seu problema? Não te pedi para você me buscar! Você deveria ter ficado com Rita então, por qual motivo você não podia me deixar fora disso?" Eu disse irritada.

"Nós ainda estamos casados, Scarlett! Por qual motivo você já está flertando com outro homem?" Charles murmurou em um tom áspero e acusador.

"O quê?" Levei algum tempo para entender o que ele estava falando. Então olhei nos olhos dele e disse: "Eu não estava flertando. Estava conversando com um colega. Sinceramente, já aguentei essas suas explosões tempo demais. Nós já estamos praticamente separados. Estamos nos divorciando."

"Você sabe que ainda não passamos pelas formalidades", Charles enfatizou.

"Qual é a diferença? Além disso, você nem está apaixonado por mim. Você está apaixonado por Rita, então não faz o menor sentido ficar me cercando."

"Não tem nada a ver com amor. Nenhum homem quer que sua esposa converse e ria com outros homens."

"Então esse é seu problema, pois saiba que tenho o direito de socializar como eu quiser."

Depois de dizer isso, continuei com os olhos fixos na janela e ignorei o olhar matador de Charles na minha direção.

Nenhum de nós falou mais nada por um tempo, até que ele finalmente desistiu e ligou o carro novamente. Mas dessa vez, ele dirigiu ainda mais rápido.

"Se você quer que sua Rita morra sem ninguém para cuidar dela, então fique à vontade e dirija esse carro como se você estivesse fugindo da polícia." Eu disse sarcasticamente enquanto apertava o cinto.

Charles me lançou um olhar mortal e naquele momento, os olhos dele pareciam estreitar em fendas.

Depois de pouco tempo, ele reduziu a velocidade. Se eu soubesse que mencionar o nome de Rita o impediria de agir como um lunático, teria dito antes.

Parecia que Rita era realmente a única mulher que o afetava facilmente.

Quando nós chegamos na mansão, o mordomo estava na porta para nos receber e imediatamente percebeu o mal-humor de Charles, tanto que ele não pôde deixar de sussurrar para mim: "Senhorita Scarlett, o senhor Charles está bem? O que houve?"

"Ele vai ficar bem, vamos deixá-lo em paz." Eu disse e sorri para o mordomo.

O mordomo simplesmente assentiu mostrando que tinha entendido e se virou para fechar a porta da frente.

Quando nós entramos na sala, os anciãos nos receberam alegremente. Eu os cumprimentei com um sorriso.

"Você finalmente chegou! Seja bem-vinda! Vamos começar o jantar. Você deve estar com fome depois de um dia inteiro de trabalho." Michael, o avô de Charles, sorriu gentilmente para mim, como ele sempre fazia e nos conduziu até a sala de jantar.

Ele se sentou na cabeceira da mesa, enquanto Charles e eu nos sentamos à sua direita e Alice, Lawrence e Christine estavam sentados à sua esquerda. Logo depois, o jantar foi servido e começamos a comer.

Como todo patriarca de uma família proeminente, Michael era o homem mais venerável da família Moore. Todos o temiam e respeitavam igualmente, mas ele sempre foi gentil comigo e me respeitava tanto quanto eu o respeitava.

Ao pensar em como a família de Charles sempre me tratou tão bem ao longo dos anos, fiquei com medo de falar sobre o divórcio para eles.

Mas quando me lembrei de Rita indo juntamente com Charles comprar vestido de casamento, sendo que Charles ainda estava casado comigo, reuni coragem para abrir minha boca. "Sinto muito por perguntar isso para você, vovô, mas gostaria de pegar a certidão de casamento minha com Charles, por favor. Nós decidimos nos divorciar."

Todos pararam e se viraram para olhar para mim naquele momento.

"Nós podemos falar sobre isso outro dia, querida. Vamos apenas desfrutar do nosso jantar em família essa noite. Faz muito tempo que não conseguimos nos sentar e fazer uma refeição juntos." Michael respondeu gentilmente, mas com firmeza. Consegui ver pela expressão dele que ele queria evitar o assunto. Mais do que Alice e Christine juntas, Michael era quem menos queria que eu e Charles tivéssemos um divórcio.

"Vovô, agradeço tudo o que você e essa família fizeram por mim e não estou tentando ser ingrata nem nada. Só quero tomar essa decisão por conta própria." Olhei para ele com toda a minha determinação.

"Scarlett, você está apaixonada por outra pessoa? Você pode nos dizer, querida!" Vendo que eu estava determinada a me divorciar, Christine olhou para mim e fez a pergunta tão importante.

"De onde está vindo isso? Se houver algo errado, você pode discutir isso conosco, nos deixe ajudar a fazer o casamento de vocês funcionar. Não aja por impulso!" Alice acrescentou antes que eu pudesse responder.

"Sei que nosso Charles não tem sido um ótimo marido para você, mas o casamento é um grande acordo, você não pode simplesmente deixá-lo cair como uma batata quente."

"Mãe, vovó, não estou apaixonada por ninguém agora. Se eu estivesse, já o teria trazido para casa e o apresentado a vocês. Charles e eu chegamos a um consenso, nós vamos nos separar amigavelmente."

A família Moore estava cuidando de mim desde que me acolheram, eles me protegeram como se eu fosse da mesma carne e sangue que eles. Entendia que eles só queriam me fazer ficar, mas quanto mais eles faziam, mais eu não queria machucá-los.

Eles me criaram e me deram uma casa que eu poderia chamar de minha, antes deles, eu era órfã e sozinha no mundo. Eu lhes devia minha vida e sempre acreditava que a única maneira de retribuir a eles seria se eu desse para eles minha vida completa e incondicionalmente.

Além disso, verdade seja dita, eu não queria largar Charles, mas também não queria atrapalhar a felicidade dele. Se Rita era o amor da vida dele, então eu iria embora de bom grado e os deixaria serem felizes.

"Olha o que você fez, Charles! Você machucou tanto sua esposa que ela quer deixá-lo!" Vendo que eu insistia no divórcio, Lawrence rosnou para o filho, que apenas desviou o olhar.

Charles só ficou sentado lá e não disse nada.

"Isso é culpa nossa! Nós não deveríamos ter forçado vocês dois a se casar em primeiro lugar", Christine murmurou.

"Não, mãe. Isto é culpa minha. Eu deveria ter ensinado melhor meu filho sobre como tratar bem sua esposa." Alice entrou na conversa, confortando Christine e olhando severamente na direção de Charles.

No momento seguinte, o celular de Charles tocou, fazendo com que todos olhassem para ele. Seguiu-se um silêncio assustador, enquanto todos apenas esperavam que ele atendesse o celular.

Rita realmente tinha o dom de ligar nos momentos mais inconvenientes.

A expressão serena de Michael se transformou em indignação naquele momento. Ele estreitou os olhos na direção de Charles e ordenou: "Vamos comer. Essa ligação pode esperar."

"Rita não está bem de saúde. Eu deveria ir ficar com ela, ou ela ficará assustada e preocupada." Charles falou calmamente, como se não estivesse com medo da possível reação do seu avô.

Então, ele pegou o celular e saiu.

"Rapaz, se você sair agora, nem se preocupe em voltar! Essa mulher pode estar doente, mas ela não está correndo perigo imediato. Tudo o que ela está fazendo é mantê-lo longe da sua esposa e da sua família. Ela está te transformando em um cachorrinho que ela pode invocar sempre que ela precisar de conforto. Será que você não tem dignidade?" Michael disse tudo isso em uma única respiração furiosa.

"Deixe-o em paz, Michael! Charles não sabe como cuidar da pessoa certa e ele vai se arrepender muito em breve. Não há necessidade de se estressar por causa dele." Christine deu um tapinha gentil no ombro do marido e o acalmou.

Enquanto isso, apenas fiquei sentada lá, quieta até que ouvi o carro de Charles acelerando.

Então, depois de um tempo, Michael falou novamente: "Christine, você pode, por favor, subir e pegar a certidão de casamento deles?"

"O quê? Achei que você queria falar sobre isso outro dia", Christine disse em choque.

"Scarlett é uma boa menina, nós já roubamos três anos da vida dela ao casá-la com nosso estúpido neto. Ela merece ser feliz e livre, e mesmo que ela não fique com Charles, ela sempre será parte da nossa família."

"Muito bem." Christine me lançou um olhar relutante e então sorriu levemente. Ela lentamente se levantou e subiu para pegar a certidão de casamento.

Dez minutos depois, saí da mansão com o pedaço de papel que tinha vindo buscar. No entanto, naquele momento, eu deveria estar exultante, mas não estava. Nossos parentes mais velhos estavam preocupados conosco e eu sabia que eles nunca queriam que nosso casamento desmoronasse daquela forma.

Mas a inevitabilidade de tudo aquilo, fez com que nossos mundos parassem naquela noite e a partir daquele momento, nós teríamos que esperar que o tempo levasse a tristeza que estávamos sentindo.

Assim que fiquei sozinha com meus pensamentos novamente, me perguntei se havia tomado a decisão certa ao concordar em me divorciar do meu marido nominal.

Reclame seu bônus no App

Abrir
1 Capítulo 1 De volta para o divórcio2 Capítulo 2 Sentimento doentio3 Capítulo 3 Visita inesperada4 Capítulo 4 Um homem ganancioso5 Capítulo 5 A garota mais brilhante6 Capítulo 6 Um tigre sem dentes7 Capítulo 7 Eu quero me mudar8 Capítulo 8 O direito como marido9 Capítulo 9 Amando sem saber10 Capítulo 10 Jantamos juntos11 Capítulo 11 Pensão alimentícia12 Capítulo 12 Dormindo na mesma cama13 Capítulo 13 Consegui a certidão de casamento14 Capítulo 14 Uma noite em claro15 Capítulo 15 Um beijo16 Capítulo 16 Uma reunião urgente17 Capítulo 17 Sendo forçado a se comprometer18 Capítulo 18 Com febre19 Capítulo 19 O escândalo20 Capítulo 20 Bebendo21 Capítulo 21 Desmaio22 Capítulo 22 Finja estar em um relacionamento23 Capítulo 23 Uma bagunça24 Capítulo 24 Passar a noite novamente25 Capítulo 25 Eu não o amo26 Capítulo 26 Vestido de noiva27 Capítulo 27 Bênção28 Capítulo 28 Bêbada29 Capítulo 29 O que aconteceu ontem à noite30 Capítulo 30 Meu preço31 Capítulo 31 Você é inestimável32 Capítulo 32 Uma megera33 Capítulo 33 É Você34 Capítulo 34 Aplicando a pomada35 Capítulo 35 Aviso de condição crítica36 Capítulo 36 Christine desmaiou37 Capítulo 37 Eu não vou assinar38 Capítulo 38 Comprando flores39 Capítulo 39 Eu não odeio você40 Capítulo 40 Salpicada de tinta41 Capítulo 41 Fazendo o café da manhã42 Capítulo 42 A verdade43 Capítulo 43 Apanhando pela primeira vez44 Capítulo 44 A cena quente45 Capítulo 45 Problemas de homens46 Capítulo 46 Talvez ele não queira se divorciar de você47 Capítulo 47 A revelação48 Capítulo 48 Fotos49 Capítulo 49 Bolo50 Capítulo 50 Ficando doente51 Capítulo 51 Fora de controle52 Capítulo 52 Sonho ou Realidade 53 Capítulo 53 Voto54 Capítulo 54 Seu disfarce55 Capítulo 55 Coloque na minha boca56 Capítulo 56 Confiável57 Capítulo 57 Não nos falamos58 Capítulo 58 Festa do trabalho59 Capítulo 59 Sinto muito60 Capítulo 60 Rumores61 Capítulo 61 Sugar Daddy62 Capítulo 62 Jogando tênis63 Capítulo 63 Confissão64 Capítulo 64 Patrocínio65 Capítulo 65 Proteção66 Capítulo 66 Neta67 Capítulo 67 Relacionamento ambíguo68 Capítulo 68 O processo69 Capítulo 69 Encontro70 Capítulo 70 Apaixonados71 Capítulo 71 Pressão para baixo72 Capítulo 72 A notícia73 Capítulo 73 O diamante74 Capítulo 74 Experimentado o vestido de noiva75 Capítulo 75 O contato do número dela76 Capítulo 76 Cortado77 Capítulo 77 Sedução78 Capítulo 78 Divórcio79 Capítulo 79 Charles estava bêbado80 Capítulo 80 Notícias inesperadas81 Capítulo 81 A onipresente Rita82 Capítulo 82 Gravidez83 Capítulo 83 Disputa84 Capítulo 84 Amnésia85 Capítulo 85 Está com febre86 Capítulo 86 Amargura87 Capítulo 87 A ligação de Nate88 Capítulo 88 Sondagem89 Capítulo 89 Armação90 Capítulo 90 Salvador91 Capítulo 91 Anúncio92 Capítulo 92 Visitantes inesperados93 Capítulo 93 Acidente de carro94 Capítulo 94 A visita95 Capítulo 95 Promessa96 Capítulo 96 O jogo entre os dois lados97 Capítulo 97 O anel98 Capítulo 98 Farsa99 Capítulo 99 O questionamento dos parentes mais velhos100 Capítulo 100 Passando a noite